0
  Sistema   Email

Historia

A denominação do bairro Jardim Botânico teve sua origem no plebiscito popular, datado de 1992, resultando na mudança de nome do então
Capanema. O novo nome faz menção ao importante marco local conhecido como Jardim Botânico Francisca Maria G. Rischbieter e antes chamado
apenas de “Mato dos Franco”, por ser um campo de propriedade do Desembargador Antônio Martins Franco. Em que pese a mudança de nome, a
história do bairro está diretamente ligada à abrangência do seu território que se manteve como antes. No final do século XlX a região constituía-se de
propriedades pertencentes ao Conselheiro Guilherme S. de Capanema, chamado de Barão de Capanema e que muito se destacou na época. Em
1947 o bairro ficou oficializado como Capanema e posteriormente, em 1975, teve sua área alterada, incluindo parte dos antigos bairros General
Carneiro e Prado. Ainda em meados do século XX foi implantado o Mercado Municipal, na divisa com o bairro Centro. A antiga estação ferroviária,
onde está hoje a Rodoferroviária, era o destaque do Capanema, marcando o cenário pelo trânsito e ruído típicos dos trens que cruzavam a cidade.
Também ligadas à referida estação, estavam as residências dos ferroviários que representaram a época. Capanema ou Jardim Botânico, nomes
diferentes para uma mesma história, dando ao território comum, motivo de orgulho para a cidade de Curitiba.

Hugo Lange

Hauer

Guaíra

Guabirotuba

Ganchinho

Fazendinha

Fanny

Cristo Rei

Cidade Industrial

Champagnat

Centro Histórico

Centro Cívico

Open chat