0
  Sistema   Email

Historia

Antigamente o bairro era conhecido como Quarteirão de Nossa Senhora das
Mercês, conforme documentos da Paróquia de Curitiba e requerimentos
constantes nas atas das sessões da Câmara solicitando aforamento de terras. A
ocupação se deu através de levas migratórias que tiveram inicio na década de
1830. Primeiro chegaram os alemães, nos anos de 1836 a 1840, formando
chácaras com lavouras e estabelecendo profissionais artesãos, como ferreiros e
carpinteiros. Em 1871 chegaram os colonos poloneses, reimigrados da Colônia
Príncipe, que desenvolveram uma agricultura de subsistência através da
pequena propriedade. No decorrer do século XlX a principal ocupação
econômica era a atividade agrícola e a criação de gado leiteiro. Na época, a
paisagem da região era tomada por chácaras ocupadas com lavoura. A partir do
início do século XX a presença dos italianos veio modificar o aspecto econômico
do antigo bairro, com a abertura de estabelecimentos comerciais. O comércio
posicionava-se principalmente ao longo da antiga Avenida Cruzeiro (atual
Manoel Ribas), através da qual os produtos da colônia eram conduzidos por
carroças para a sua comercialização. Em 1921 os frades capuchinhos se
estabeleceram na região das Mercês e muito contribuíram para a integração
comunitária dos diferentes grupos étnicos, através da evangelização.

Lindóia

Lamenha Pequena

Juvevê

Jardim Social

Jardim das Américas

Jardim Botânico

Hugo Lange

Hauer

Guaíra

Guabirotuba

Ganchinho

Fazendinha

Open chat